sábado, 2 de julho de 2011

COMBATE DE CENTAUROS

Neste quadro há uma sugestão de horror, mais do que sua realidade explícita. Tendo como cenário uma paisagem do além-mundo, as figuras heróicas e enérgicas dos centauros dominam a tela com sua coreografia dramática. Grande parte da tensão dessa pintura deriva das posturas contorcidas e expressões arrebatadas dos centauros, representadas vagamente, em tonalidades intensas, transmitindo uma sensação de grande dramaticidade e emoção. Arnold Böcklin (Basiléia1827-Itália1901) viveu grande parte de sua carreira na Itália, o que lhe inspirou temas clássicos e mitológicos, que ele interpretou à maneira poética do Romantismo, influenciado por Delacroix e Théodore Géricault. Os cenários oníricos do artistas, os tons ameaçadores e as conotações persistentemente emocionais tornaram-no popular em sua época e, mais tarde, inspiraram as obras dos expressionistas alemães e dos simbolistas franceses. Suas pinturas alegóricas eram particularmente admiradas por seu forte impacto e sua provocação constante das emoções.


Nenhum comentário:

Postar um comentário